.:The worst kind of thief:.
Este blog agora é atualizado no endereço www.tarrask.com/blog

Internet, futuro, passado, comunicação, e ainda muito trabalho pela frente.

Este post da Kaká.

Bacana o post, com uns comentários muito interessantes. Faz a gente lembrar de um monte de coisas importantes:

a) nem todo mundo que tem blog, usa twitter e escreve bem sabe o que é IRC. Nem winsock.dll. Currículo, na internet, nem sempre é vantagem. Às vezes, é só curiosidade mesmo.

b) ainda tem muita gente que precisa aprender o que é blog, chat e msn. Não precisa aprender o que é winsock, mas que ainda precisa ver um computador na vida. E vai ter uma grande alegria quando veja um.

c) não é a máquina. É o que a gente faz com ela.

d) na quinta-série, no colégio, tentaram ensinar a gente a usar o Logo, do Seymour Papert. Eu ainda fiz alguma coisa, com a tartaruguinha andando. E também fiz uma maquete de isopor horrível, de um computador. Tá, foi meu primeiro e último casemod, sem chips dentro.

Mas no fim, ela chega ao grão e discute o mais importante. Coisa que tá na filosofia grega, Protágoras. O homem é a medida de todas as coisas. No fim, no fim, o que importa são as pessoas. As relações entre elas. Relação=link. Ok?

Anúncios

4 Respostas to “Internet, futuro, passado, comunicação, e ainda muito trabalho pela frente.”

  1. Tudo entendido! Hahaha!
    Que bom que gostou do post, obrigado por linkar!

    E você entendeu tudo. São as pessoas que fazem a internet. Esse conceito não é meu, mas eu uso porque acho correto.

    Um beijo

  2. nao adianta nada incluir as pessoas na internet se elas não vão produzir nada construtivo nela… vai acabar se tornando mais uma tecnologia como a televisão… totalmente desinformativa e descontrutiva…

  3. bom, as pessoas estão construindo coisas interessantes na net, não acha?

    pois então.

    agora, a humanidade sempre vai produzir porcaria. Para cada quantos milhões de textos sai um Shakespeare?

    Aí surge o grande problema da internet hoje: como filtrar o joio do trigo.

    Aí vem o Google.

    E então surge o outro problema.

    Como fazer que o Google ache que você é trigo.

    Então surgem os spammers.

    E a lusitana roda.

  4. original source

    Internet, futuro, passado, comunicação, e ainda muito trabalho pela frente. | .:The worst kind of thief:.


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: